Entrevista com Mia Linz


Hoje a entrevista será com a maior atriz pornô brasileira da atualidade, Mia Linz, esse furacão loiro que entrou na indústria pornô nacional em 2017 vencendo o reality show Casa das Brasileirinhas e de lá para cá não parou mais de crescer com a sua carreira, alcançando hoje em dia fama internacional.

Mia Linz

Mia primeiramente gostaria que você contasse um pouco de como era a sua vida antes do pornô? O que fazia até chegar no momento que decidiu seguir esse ramo de trabalho.
Acho que já não é mais segredo para ninguém porque essa é uma das perguntas que mais respondi em entrevistas no ano passado, mas basicamente eu era empresária, dona de restaurante, casa de shows, gráfica e outras coisas que me custavam muito tempo e estresse e simplesmente resolvi largar tudo isso para viver aquilo que eu gostava.

E como foi a sua entrada no universo dos filmes adultos?
Eu já vivia muitas aventuras sexuais na minha vida particular e gosto muito de exibicionismo, então estudei a fundo o mercado pornográfico nacional e internacional com ajuda do meu assessor antes de adentrar nesse ramo e principalmente conversei com meus pais e irmãos que me apoiaram até hoje e são a minha base.

Você no ano de 2018, podemos dizer o seu primeiro ano completo no pornô recebeu inúmeros prêmios, a que você atribuiu tamanho sucesso em tão pouco tempo?
Realmente 2018 foi incrível, eu gravei o ano todo e acredito que escolher os trabalhos certos e o investimento em minha imagem foram fundamentais já que não adianta você gravar muitas cenas e ninguém saber quem é você, uma vez um diretor europeu me disse que deve-se escrever uma história antes e tenha em mente que ser uma atriz é ser um "produto" e um produto para ter sucesso além de ser bom no que se propõe tem que ser levado ao maior número de potenciais consumidores possíveis, só aí então a atriz deixa de ser só mais uma atriz e será uma Pornstar, que são coisas bem diferentes.

Teus fãs me encheram o twitter com uma pergunta bem especifica, a sua bunda é natural ou já aplicou silicone nela?
Gente... é natural sim! Eu não colocaria silicone no bumbum porque com tempo fica estranho e artificial, sou dessas mulheres que acreditam que quanto menos artificial melhor, mais feminino e dentro da realidade!

Como é ser a maior estrela pornô brasileira da atualidade e como você conseguiu a atenção das produtoras estrangeiras?
Eu venho trabalhando desde o início focada e cada conquista foi do meu próprio mérito, sempre fui atrás de informações e conhecimento, sem necessidade de colar em alguém e sempre me preocupei em evitar o amadorismo, tendo em vista o padrão do mercado estrangeiro. Foi então que comecei a ter fãs estrangeiros e receber mensagens de diretores e produtoras de fora do Brasil.

Mia Linz

E sobre cenas, qual ou quais as favoritas e quais você não gosta muito de gravar?
No pornô não existe essa "melhor cena" cada cena é única e você sempre tem que fazer melhor que a anterior. Eu nunca gravei algo que eu não goste e simplesmente quando vejo que aquele trabalho não faz o meu estilo ou não estou no clima eu simplesmente não faço.

É possível gozar em cena? E você já gozou?
A pergunta certa seria "É possível não gozar em cena?" É difícil segurar o tesão quando você realmente se entrega para aquilo que você gosta de fazer e eu amo gravar sexo para que outras pessoas vejam, claro que muitas vezes não consigo gozar por ter que ficar trocando posições, ângulos ou parando.

Sabemos que antes o preconceito em ser atriz pornô era muito maior que hoje, claro, ainda temos isso em dias atuais, mas e você como lida com isso? Sua familia sabe sobre sua profissão?
Como eu já disse eu entrei neste mercado só depois do apoio da minha família mas eu nunca tive esse problema, sei que ele existe neste meio, ainda mais aqui na América Latina, mas assim como no pornô, existem preconceitos em qualquer profissão e cabe a você se blindar ou guardar isso dentro de você.

Mia Linz

Nesse mundo dos filmes, quais atores/ atrizes você ainda gostaria de contracenar (vale citar atrizes/atores internacionais)?
Eu não sou de assistir filmes nacionais realmente não consigo, mas pretendo um dia gravar com a americana Adriana Chechik a qual é minha inspiração.

Porque esse ano você só está gravando no exterior?
Infelizmente a poucas produtoras no Brasil e a maioria trabalha ao inverso do mercado internacional, tipo no cinema americano se trabalha para atrizes virarem estrelas e fazerem os filmes e bilheterias venderem mais, e no Brasil se trabalha para gravar aquela atriz o menos possível, além de pagarem muito pouco para uma mulher que terá sua imagem exposta a vida toda, não existe um reajuste anual, na verdade desde que comecei em 2017 os cachês são os mesmos, aí para economizar optam por uma novata muitas vezes inocente que vai gravar 3 ou 4 cenas até a ficha cair, e ver esse padrão e sair do mercado, por isso sempre trabalhei visando não só o mercado nacional mas também o internacional.

Mia Linz

Em relação aos filmes, teve alguma cena digamos estranha pra você gravar e que ficou constrangida no início?
Meu único constrangimento são minhas primeiras cenas gravadas em 2017, não só por eu estar um pouco fora de forma na época mas também pela qualidade da produção e direção, por isso eu disse que deve-se escolher bem os trabalhos dependendo de onde você quer chegar, porque eles podem te atrapalhar dependendo onde você pretende chegar.

O que o homem deve fazer para conquista-lá?
Ser limpo, viril, não ser exibido e principalmente não ficar falando do tamanho do seu pênis! Isso é o que mais comentam em minhas redes: "Mia tenho um pau de 28cm você gosta?" Isso é coisa de criança.

DP anal ou DP vaginal, qual a mais dificil de gravar?
DP tradicional.

A galera brasileira quer saber Mia, existe diferença entre o pau dos brasileiros e o dos estrangeiros?
Sim! Muita! Mas o que realmente chama a atenção são o vigor e a disposição.

Você é CamGirl e atriz pornô também, qual dos dois curte mais fazer ou ambos te completam?
Ambos me completam e um não tem nada ver com o outro, são coisas bem diferentes, mas que se completam.

Tem planos de encerrar a carreira, ter família? Como você imagina sua vida pós-pornô?
Acho que já deixei bem claro que tenho uma família... tenho casa, carro, meus pais e irmão, além de um filho incrível e isso aqui no Brasil parece espantar as pessoas, e isso lá fora é algo normal. Quando se começa algo certo e que você ama não a planos para aquilo terminar.

Pra finalizar essa entrevista gostaria que você deixasse um recado pros nossos leitores e pros admiradores do seu trabalho.
Eu me sinto muito sortuda de ter ao meu lado os fãs mais incríveis que se possa ter, nossa interação é algo natural e carinhosa e isso só faz com que eu siga sempre melhorando. É uma pena não poder responder a todos, é humanamente impossível mais leio TODOS os comentários e curto um por um para mostrar que eu li, obrigada pelo carinho de todos vocês.

Mia Linz